misturando a massa atingindo trace medio

Sabonete Artesanal : Acelerar ou desacelerar o TRACE ?

A  Temperatura e alguns ingredientes podem interferir que você alcance o  TRACE  rapidamente ou mais lentamente quando você está fabricando sabonetes artesanais.

O Trace é basicamente o ponto em que a massa de sabão quando misturada, engrossa  o suficiente para formar uma emulsão estável.  É um “ponto de não retorno”, onde os óleos e a lixívia  não correm risco de separar-se.

Passado esse “ponto de não retorno”, existem muitas variáveis onde o TRACE pode ser bem líquido ou bem denso.

misturando a massa atingindo trace medio

Existem alguns fabricantes de sabão que despejam a massa de sabão no molde com um TRACE  bem leve (massa bem líquida) no qual necessita apenas algumas poucas rodadas com o batedor elétrico para  alcançar. Neste caso a massa de sabão estará tão líquida que não vai suportar nenhum tipo de complemento na superfície da massa. No entanto está suficientemente misturada  para não haver a separação de óleos e lixívia. Está Emulsionada.

Por outro lado, há fabricantes de sabão que preferem derramar a massa de sabão no molde com um TRACE bem pesado ( a colheradas) tão grosso como um pudim.

Ambas as misturadas estão bem e podemos dizer que  estão emulsionada e que foi atingido o TRACE em diferentes níveis.

Mas e quanto ao tempo que leva para alcançar o TRACE?  Independente de você jogar essa massa no molde com um trace leve ou pesado, esse TRACE  algumas vezes demora um tempo para ser alcançado e algumas vezes acontece muito rapidamente.  O que pode causar isso?

Fatores que interferem no tempo do TRACE

De acordo com Kevin Dunn, em seu maravilhoso livro Scientifc Soapmaking, a quantidade da mistura é o principal fator que determina o tempo que a massa de sabão leva para alcançar o TRACE e é exatamente por isso que usar um mix elétrico é muito mais rápido do que ficar misturando com uma colher.

Mas…. além desta quantidade existem três fatores que podem afetar e influenciar nesse tempo que a massa de sabão leva para atingir o TRACE que são:

  1. Quantidade de água
  2. Temperatura da massa
  3. Ingredientes/aditivos

A quantidade de água

A quantidade de água que você usa na sua receita afeta o TRACE.  Mais água = TRACE mais demorado.

Exemplo:  Se você tem uma fórmula que pede 50g de Soda e você usa 100g de água, pode ter certeza que você terá um TRACE muito mais rápido que  se você colocar 130 ou 150 g de água.

Mas se você tem uma fórmula que está alcançando o TRACE muito rápido, adicione um pouco mais de água para desacelerar e aumentar esse tempo para atingir o TRACE.

Pesar quantidade de água

A temperatura

Quanto maior é a temperatura dos óleos e da lixivia, mais rápido seu sabão vai atingir o TRACE.  Mesmo se a diferença de temperatura que você está trabalhando é de apenas 10 graus  pode ter certeza que vai fazer a diferença.

Se você tem uma fórmula que acelera muito rápido, espere abaixar mais a temperatura dos óleos e lixívias para começar a trabalhar. Além dos óleos que começam a se solidificar, você não vai correr nenhum risco de a lixívia e os óleos ficarem “muito frios”. Você pode fazer sabão com a temperatura ambiente.

Ingredientes/aditivos

A maioria dos fabricantes de sabonetes já experimentaram o temido seize   quando você adiciona algum tipo de fragrância ou outro aditivo e sua massa de  sabão passa de líquido a uma “coisa” espessa em apenas alguns segundos. Mas não estamos falando de seize no momento. Existem outros ingredientes que realmente aceleram o TRACE  exatamente igual que  subir a temperatura dos ingredientes ou diminuir a água.

Cada óleo tem sua característica e uns podem  acelerar ou fazer que TRACE  chegue mais devagar que outros óleos ( óleo de bagaço de oliva é um dos que acelera o TRACE) .   Mas não tanto quanto alguns  outros ingredientes  adicionados em particular na fórmula de sabão que elaboramos.

esencia especifica para cold process

 

Ingredientes / aditivos que aceleram o TRACE

Alguns dos ingredientes que podem acelerar o TRACE (minha experiência)  incluem:

  •  os  óleos essenciais de especiarias – especialmente  OE de Cravo e OE de Canela
  • fragrâncias oleosas que contém óleo de cravo também contribuem
  • algumas fragrâncias florais (de preferencia usar fragrâncias específicas para CP )
  • álcool
  •  mel / cera de abelha
  • a cerveja
  •  outros líquidos que contém açúcar
  • essências de  pera,  de maça, morango e algumas marcas de essência de coco e cereja ( de preferencia usar essências específicas para CP)
  • estearina ou ácido esteárico ( + 5%)
  • óleo de Abacate / óleo de dendê
  • Aloe vera
  • Dióxido de titanio

Se vai usar um destes ingredientes o ideal é  misturar manualmente e não usar o mix elétrico.

misturando manualmente oleos e lixivia

Qualquer um destes fatores –  A água, a temperatura, os ingredientes –  pode  interferir na aceleração do TRACE. Então cada receita terá seu ponto de diferença.

Tanto faz se você joga sua massa de sabão no molde com TRACE  leve ou TRACE pesado. O que realmente importa é se alcançou o ponto desejado que é o  “ponto  de não retorno”, onde óleos e lixívia se juntaram perfeitamente e sem chance de separação.

Outra detalhe importante é quando você está usando moldes complicados  ou  se você tem um projeto de  fazer qualquer tipo de designer com redemoinhos  com diferente tipos de cores, aí sim você deve querer fazer que sua massa de sabão atinja o trace  mais lentamente possível  e com isso deve evitar de colocar  estes ingredientes que aceleram,  esperar abaixar a temperatura dos óleos e lixívia antes de misturá-los  e aumentar a quantidade de água.  Importante também evitar usar ingredientes que nunca usou para não ter surpresas desagradáveis.

Ingredientes que desacelera o TRACE

Incluindo estes ingredientes na sua fórmula será de grande ajuda para retardar  o TRACE.

  • óleo de bagaço de oliva
  • oleo de girassol

Fabricar sabão artesanal além de divertido é super interessante porque pode ser uma caixinha de surpresas. Sempre temos que estar muito atentos ao que pode passar . Cada lote de sabão é um mundo de reações e temos que estar preparados para o inesperado.

Você tem algum outro detalhe que acelera ou desacelera o trace ?  Se tiver, deixe nos comentários abaixo para ir completando a lista acima.

4 comentários em “Sabonete Artesanal : Acelerar ou desacelerar o TRACE ?”

  1. Maria Miranice

    Olá pessoal,
    estou chegando neste universo da saboaria, e estou fascinada com tantas possibilidades. Agradeço imensamente pela a colaboração.
    Abraços e sucesso
    Maria Miranice

  2. Olá
    Sou estreante neste mundo da soboaria. Fiz um sabonete de mel e acontece que durante o processo de “cura” o sabão ficou coberto de “pérolas” de gordura. É normal? A que se deve esta reação? Tenho a sabonete estragado?
    Grata pela atenção
    Filomena

  3. Migrei para o processo cold, pq até agora não consegui acertar nenhuma receita com glicerina. E infelizmente, utilizei o óleo de girassol e acho que não atingi o ponto de trace. Estou totalmente desmotivada e bem decepcionada. Parece que nada que eu faço está dando certo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Rolar para cima