Os tensoativos que vou apresentar abaixo são derivados de produtos naturais e excelentes alternativas para elaborar
shampoo líquido, sólido, condicionadores, gel de banho, sabão líquido, bombas de banho, espuma de barbear e muitos outros.

Com estes tensoativos podemos fazer qualquer produto de higiene e limpeza pessoal de uma forma natural com ingredientes bastantes suaves a nossa pele, couro cabeludo e também amigo do meio ambiente.

Existem tensoativos sólido ou líquidos e podemos escolher ou um ou outro de acordo com o que queremos que seja nosso produto final: líquido ou sólido.

shampoo-coco-liquido

Aplicação Dos Tensoativos Naturais

Gel de banho, sabonete líquido, produtos de limpeza facial, produtos para as mãos, vários tipos de shampoos, condicionadores , creme de barbear, gel de banho e shampoo para crianças e bebês  e todos os produtos para pessoas com peles sensíveis e atópicas.

Escolhendo o Tensoativo

Como vou saber qual tensoativo que vai funcionar melhor na minha fórmula?
Cada tensoativo tem  suas próprias diferenças, vantagens e deficiências.
A partir do momento que você vai manuseando e conhecendo como um tensoativo vai reagir numa fórmula sozinho ou misturado com outros tensoativos, você irá compreender como  e onde eles podem ser aplicados.
Aqui abaixo, selecionei alguns entre os vários tensoativos derivados de naturais que são acessíveis para uma produção artesanal caseira. Eles foram escolhidos pela sua versatilidade em aplicação e desempenho na fórmula e bons resultados para o consumidor final.

tensoativos-diversos

Tensoativos sólidos

SCI

tensoativo-sciINCI : Sodium isetionato cocoyl
– Tensoativo aniônico
– Tensoativo com função de espumante e limpeza
– Origem: derivado vegetal ( óleo de coco) e sintético

O SCI é um tensoativo derivado do óleo de coco, que vem em forma de pó e muito bem tolerado pela pele.

Pode ser usado como o principal tensoativo da fórmula ou também pode usado para suavizar as fórmulas de shampoo sólido que tem uma base em sodium coco sulfato.

Proporciona uma boa formação de espuma cremosa até mesmo em água dura e dá um efeito de condicionamento na pele e cabelo deixando um toque suave.

dosagem: 5 a 60% do peso total da fórmula
O pH final das fórmulas pode ser ajustado, se necessário, a um pH fisiológico (4,5 a 7,5)

 

SLSA

tensoativo-slsaINCI : Sodium lauryl sulfoacetate
– Tensoativo aniônicos suave, não-sulfatados não etoxilado
– Tensoativo com função espumante e limpeza suave
–  Origem: tensoativo derivado vegetal ( óleo de coco) e sintético

O SLSA é um tensoativo derivado do óleo de coco que vem em forma de pó um pouco mais grosso e assim um pouco mais fácil de manusear.
É um tensoativo com funções limpadoras bem suave e ( mais suave de todos os sólidos) excelente para a formação de espuma o que torna um ingrediente muito comum para produtos de banho.
A espuma que produz é rica, abundante e estável até mesmo em água dura e inclusive na presença de óleos vegetais.
Muito bem tolerado pela pele e totalmente biodegradável.
ideal para elaboração de gel de banho, bombas de banho, shampoo sólidos

Suaviza fórmulas de shampoo sólidos que contém SCS
Dosagem: 1 a 20%
pH final pode ser ajustado, se necessário, a um pH fisiológico (4,5 a 7,5)

 

SCS  – sódio coco sulfato

tensoativo-scsINCI: sódium coco sulfate

– tensoativo aniônico:   Agressivo para algumas pessoas.                                                                                                                                                                                   – tensoativo com função de  detergente: poder de lavagem e formação de espuma.
– origem:  derivado vegetal  ( óleo de coco)
É a matéria prima muito usada para fazer um shampoo sólido em casa.
É excelente na formação de espuma, é muito agradável de usar e permite a incorporação de manteigas e óleos vegetais em total liberdade nas fórmulas

coco sulfato de sódio é  um tensoativo polêmico porque é um forte detergente aniônico e pode causar irritação em algumas pessoas sensíveis, especialmente pessoas sensíveis ao lauril sulfato de sódio. Isso porque, de acordo com estudos, o scs contém uns 60% de SLS embutido na sua fórmula.
Mesmo assim , Coco sulfato de sódio é uma alternativa natural ao lauril sulfato de sódio, e é menos irritante do que este último. É também o melhor de todos os agentes tensioactivos sólidos testados que permite formular um shampoo sólido satisfatoriamente eficaz porque tolera uma adição elevada de manteigas e óleos vegetais na fórmula e com isso suaviza e muito o produto final.

obs: esse teste que resultou ser “o melhor” de todos os tensoativos solidos é relativo. Isso é um resultado de eficiência de laboratório porque para minha experiência pessoal se pode fazer excelentes shampoos sólido altamente eficiente sem usar esse produto.

shampoo-solido

Tensoativos líquidos:

DECIL-GLUCÓSIDO

tensoativo-decil-glucosidoINCI: Decyl glucoside.
origem vegetal (coco e palma, milho)
Tipo: Não iónico
Valor de ph sem diluir: 5/6

Excelente formação de espuma
Tensoativo natural que é muito suave com boa compatibilidade dermatológica, adequado para formular produtos de banho para toda a família, bebês, crianças, peles maduras e pessoas com pele sensível e atópicas.
Melhora a tolerância de formulações de sabão elaborados com outros tensoativos mais agressivos e mantém o equilíbrio da pele.
Amigo do Meio ambiente, tanto em termos de seu processo de fabricação e sua biodegradabilidade
Se pode usar tanto como um tensoativo principal da fórmula ou como secundário como base para a fabricação de sabão líquido , gel de banho, shampoos de todo tipo, condicionador, espuma de barbear, produtos limpadores para bebês, etc.
Dosagem: 3 a 50%

Precaução: por ser um produto tensoativo deve ser diluído adequadamente com água, porque se não , pode produzir irritação na pele e nas mucosa. Devido ao seu pH ácido, pode ajudar a equilibrar as misturas com outros tensoativos alcalinos. Ao finalizar nossa fórmula, Devemos medir o pH e ajustar adequadamente a um rango mais apto para a pele e cabelo que é um ph acido (< 7).

 

LAURIL – GLUCÓSIDO

tensoativo-liquidoINCI : Lauryl – Glucósido
Origens: Origens vegetais (de coco e óleo de milho)
Tensioactivo Não Iónico
Valor do pH sem diluir: 11,5 / 12,5

Tensioactivos naturais não-iônico que são muito suaves e livres de aquil-sulfatos (sodium laurel sulfate e outros irritantes ), sem etil-oxidos e sem conservantes.

Muito boa compatibilidade dermatológica, adequado para todo tipo de pele inclusive as sensível, atípicas e para bebês.
Pode ser usado como um tensoativo secundário para Aumentar a viscosidade de formulações de sabões líquidos.
Tem pouco poder de espuma e limpador suave por isso pode ser adicionado em fórmulas de dentifrício, sabão íntimo e infantil.

100% biodegradável
Dosagem: 2 a 35%

Ao final da elaboração,  devemos medir o pH e ajustar adequadamente a um rango mais apto para a pele e cabelo que é um ph ácido (< 7).

 

COCO-GLUCÓSIDO

coco-glucosidoINCI: Coco glucoside
origem : Obtido a partir de álcoois graxos de óleo de coco, óleo de amêndoa, de palma e glucose de milho.
tensoativo não iônico
valor de pH sem diluir: 11,5 / 12,5

Tensoativos naturais que são muito suaves com boa capacidade de limpeza da pele e do cabelo. Agente espumante ou emulsionante. Muito utilizado em fórmulas de sabões e shampoos para todo tipo de pele e cabelo . É um espumante alternativo das betainas.

estão livres de alquil-sulfatos, etil-oxidos e conservantes.
É frequente incluir junto com o Decyl glucoside ou ao Lamesoft PO65 em fórmulas de condicionador, sabão esfoliante, cremes faciais, shampoos suaves e produtos para bebês

Dosagem: de 2 a 45% dependendo do produto e da fórmula.

Ao final da elaboração, devemos medir o pH e ajustar adequadamente a um rango mais apto para a pele e cabelo que é um ph ácido (< 7)

 

BETAINA

INCI: Coco-Betaine
origem: origem vegetal derivado de ácidos graxos do coco
tensoativo anfótero
ph: 6/8

a betaina de coco é um tensoativo anfótero ideal para elaboração de gel de banho, shampoos ( atua como agente anti-estático), sabão líquido e bombas de banho, produtos de hig¡ene íntima.
Tem propriedades espumantes e limpadora suave.
Muito suave e bem aceita pela pele. Combinado com tensoativos aniônicos conseguem uma melhora dermatológica do produto final.
A betaina de coco está substituindo a cocoamida DEA como aditivo , porque é muito mais suave para peles sensíveis.
A Betaina é também pode ser utilizada como agente emulsionante e espessaste.
Compatível  com todo tipo de tensoativos ( aniônico, catiônico, não-ionico) e completamente biodegradável.
dosagem: 15 a 35%

tensoativos-natural-pele-sensivel

 

Cuidados a tomar com os  Tensoativos naturais:

  • O produto bruto, Manter fora do alcance das crianças e animais de estimação
  • Não ingerir
  • Evitar o contato do produto ( sem diluir) com os olhos. Em caso de contato , enxague muito bem com água limpa.
  • Estes produtos sao irritantes em estado puro  e bom evitar o contato com a pele . Use luvas e óculos de proteção.
  • Estes produtos devem ser sempre diluídos e al final da elaboração deve ser ajustado o pH entre 4,5 a 7,5.
  • sempre siga as orientações de procedimento do fabricante.

Artigos Relacionados:

Tensoativos

Tensoativos Naturais Vs Tensoativos Sintéticos

21 Comentários

  1. oi Fabiana!! Qual desses tensoativos teria o mesmo poder de espumação do lauril eter sulfato? Minha pergunta é porque ao derreter barra glicerinada (ja testei nas feitas por mim e nas compradas), quando coloco algum aditivo como mel ou extrato (em torno de 5%), ela perde muito o poder de espumação. Por isso queria usar algo para não perder a espumação no sabonete.

    • Fórmula de Sabão Artesanal Responder

      OI Denise,leva em conta que os sabões de glicerina são de baixa espuma sempre. Outro fator é que um superfat (SF) em excesso e o álcool também causam essa quebra na espuma (extrato oleoso).
      Isso quer dizer que uma quantidade de óleos excessivos na sua formula faz diminuir a quantidade de espuma do sabão.
      Você já fez essa base glicerinada sem os aditivos para ver se tem uma espuma adequada? Uma base glicerinada BOA não deveria levar nenhum tipo de espumante ( sintético). Se a espuma baixou de quantidade é porque algo falha.
      Tenta substituir o lauril por açúcar. 1 colher de sopa para cada kilo de massa vai deixar seu sabão bem espumoso mas antes disso tem que assegurar-se que não tem excesso de óleos na sua fórmula.

      • oi Fabiana! eu faço a barra glicerinada sem nenhum aditivo, e se eu fizer o sabonete só derretendo ela e colocando o aroma, o sabonete espuma bem, o problema é se eu colocar aditivos na hora do derretimento, aí o sabonete perde bastente a espumação, por isso pensei em colocar um “espumador” que não seja sintético, nunca usei o lauril sintético mas sei que pode-se colocar aditivos no derretimento e “compensar” com ele.

        • Olá
          Gostaria de saber se eu acrescentar açúcar a uma base glicerinada que compro pronta,na hora de preparar o sabonete (ex: derreto a base, adiciono extratos e açúcar) irá espumas mais?
          Ou esse efeito do açúcar é apenas na preparação da base?
          Grata!

    • Muito bom esse post, foi de muito boa utilidade para mim, só uma ressalva, não foi apresentado nenhum tensoativo catiônico, ficou faltando , eu gostaria de saber se existe algum tensoativo natural catiônico.

      • Essa também é uma questão minha. Estou a procura de um tensoativo catiônico natural. Precisamos de ajuda, gente!!! Obrigada.

  2. Marina Andrade Responder

    Boa tarde! Obrigada pelo post!
    Encontra-se facilmente o SCI e o SCS nas casas de perfumaria e afins ?

  3. Isso e novo pra mim! Significa que posso produzir produtos biodegradaveis com essas substancias e que nao causam mal a pele? Gostaria de saber mais sobre isso. Qual a diferenca desses produtos e dos produtos bio e livre de quimicas, sendo que ambos sao derivados de elementos vegetias como coco, milho, etc.?

    • Fórmula de Sabão Artesanal Responder

      Exatamente Irene. Esses produtos são completamente aprovados e tem o certificado da ECOCERT ( http://www.ecocert.com/es/certificacion) ingredientes seguros para uso na cosméticas ecológica e natural ; São produtos “derivados” de naturais e para serem retirados ( do coco, milho etc ) o laboratório adiciona componentes sintéticos e essa é a diferença dos produtos completamente bio. Mas se tem o selo de garantia da ECOCERT podemos confiar plenamente e usar na elaboração de nossos produtos . ISSO ESPERO!!!….Inclusive todas as marcas de cosmética natural e ecológica mundialmente conhecida, utilizam estes produtos a grande escala.

  4. Olá
    Gostaria de saber se eu acrescentar açúcar a uma base glicerinada que compro pronta,na hora de preparar o sabonete (ex: derreto a base, adiciono extratos e açúcar) irá espumas mais?
    Ou esse efeito do açúcar é apenas na preparação da base?
    Grata!

  5. Olá! Onde posso comprar o coco glucosido aqui no Brasil? Poderiam indicar um distribuidor?
    Obrigada!

  6. Olá, tudo bem?! Você sabe como eu consigo descobrir quais desses tensoativos é aprovado pelo selo ECOCERT?

    • Fórmula de Sabão Artesanal Responder

      Olá Ana Clara, o provedor pode te fornecer todos os dados e ficha técnica do produto que vai comprar.Se o tensoativo é aprovado pela ECOCERT, TEM que ter um selo na etiqueta do produto.

Escreva um comentário