mulher com cabelo danificado

Usar Silicone nos Cabelos: Bom ou Ruim ?

Hoje em dia, existem mais ênfase em saber o que um produto não tem como ingredientes  do que realmente esse produto é. Um exemplo são os produtos de cuidados com os cabelos com rótulos que divulgam fórmulas “livres de silicone” (Silicone-free ) . Mas a maioria das pessoas não tem nem ideia do por que os silicones foram deixados de fora, ou quais efeitos negativos eles podem dar ao cabelo.

Qual sua atitude??

  • Acredita fielmente e sem questionar compra somente produtos sem silicone
  • Te dá completamente igual e você usa produtos com silicone e não vê nada demais neste ingrediente

Neste artigo vou tentar esclarecer o que realmente são os silicones e como eles atuam nos fios capilares do aspecto positivo e do aspecto negativo.

Silicones em produtos de cabelo

O uso do silicone no mundo da cosmetologia vem desde a década de 1950.  Este material é super comum em quase todas as facetas da indústria da beleza, desde então o debate sobre se é prejudicial ou não ainda permanece.

Em termos de uso de silicone no cabelo, muitas pessoas não acreditam  sobre os efeitos que pode trazer para o cabelo e, preferem usar produtos tradicionais que não contém silicone. Outros, por outro lado, são pró-silicone e acreditam que o silicone é útil, pois traz muitos benefícios para a aparência do cabelo.

É prejudicial ou útil? Vamos aprofundar na explicação.

Veja a foto abaixo.  A estrutura de um fio capilar não é liso nem contínuo.  Na sua camada mais externa, chamada cutícula,  está formada por várias mini escamas, umas sobre as outras como se fossem as telhas de um telhado. Esta camada externa é composta por mais de 90% de uma proteína fibrosa chamada queratina.

Fio capilar com a cutícula completamente saudável
Cabelo Normal: Fio capilar com a cutícula completamente saudável

Quanto o cabelo está deteriorado, estas mini escamas se abrem ou se rompem e o cabelo fica com um tato bastante áspero e aspecto seco. Isso também acontece quando se usa shampoos com tensoativos agressivos ( sintéticos e sulfatos) e a cutícula fica completamente aberta dando ao cabelo um aspecto ressecado e sem brilho.

se você está interessada em fazer shampoos sólidos com tensoativos suaves e derivado de produtos naturais, veja AQUI 

fio de cabelo saudável e fio de cabelo danificado

Como o Silicone atua

Os silicones contidos num produto capilar ( shampoo, condicionadores, leave-in …etc), cobrem o cabelo com uma capa protetora e essa camada preenche os espaços entre as cutículas. Isso reduz a porosidade e deixa o cabelo com aspecto muito mais saudável, mais suave e sedoso. Protege-o da umidade do ambiente e dá forma e volume.  Além disso  você poderá pentear muito mais facilmente.

Mas esse é um efeito somente temporário e superficial.  Ao longo do tempo, essa camada criada pelo silicone pode sufocar o cabelo, enfraquecendo-o ou até mesmo fazê-lo “dependente” de silicones.  A partir do momento que paramos  de usar o produto que contém este ingrediente,  o cabelo  ficará muito mais seco e áspero, porque está enfraquecido debaixo de uma capa de plástico que o impede de “respirar”.

Essa barreira formada pelo silicone permanece no caule do fio e impede que outros produtos que você usa para nutrir e penetrar no fio complete sua função, deixando os fios mais rebeldes. Isso vira um círculo vicioso e a necessidade de voltar a aplicar novamente o produto que tem o silicone.

O fator “difícil de retirar” esse produto dos fios : Essa camada de silicone que você coloca no seu cabelo pode ir acumulando de passada a passada.   A maioria destes  silicone usados em produtos industriais, podem ser muito difíceis de  remover porque não são solúveis em água. É necessário o uso de tensoativos bastantes agressivos para fazer uma limpeza completa dos seus fios que estão pesados e cobertos com silicone. Estes tensoativos sintéticos e agressivos ( que é o contém a maioria dos shampoos industriais ) Abrem a cutícula do cabelo removendo todo o silicone, a sujeira e inclusive a oleosidade natural do cabelo.

Conclusão: Debaixo do cabelo com uma aparência linda e saudável existe um fio capilar fraquinho, desnutrido, pedindo pelo amor de deus para respirar e ser bem alimentado.

mulher com silicone acumulada no cabelo

Porque as empresas de cosméticos adicionam silicone nos produtos

Agora que você sabe o que são os silicones e como eles atuam no seus fios,  vamos ver o por que as empresas de cosméticos adiciona esse ingrediente nos produtos.

Para a grande maioria das empresas o maior interesse é o custo benefício, que significa lucros e mais lucros. Adicionando silicones baratos, a empresa consegue aumentar o volume do cosmético a um custo bem menor.

Silicones em produtos de cuidado para a pele

Os silicones são incrivelmente escorregadios. Quando você sente um silicone puro ou seja, não misturado em uma fórmula, tem um tato muito viscoso. Esse aspecto tão escorregadio pode ser um pouco repugnante por si só, mas pode ter certeza que melhora e muito a aparência, a sensação e o desempenho na difusão de uma loção ou protetor solar.  Especialmente nos filtros solares, onde os silicones são usados para combater o efeito branqueador ou “fantasma” deste produto.

Os silicones são usados com moderação nos produtos de pele e cabelo mas mesmo uma pequena quantidade  faz uma grande diferença entre um hidratante que você pode dizer que está ok comparado com estes cremes caríssimos que dá uma sensação maravilhosa.

Em pesquisas realizadas por algumas empresas, os  clientes dizem que a adição do silicone dá uma sensação de luxo ao produto. E pode acreditar!!   Uma quantidade mínima de dimethicone ou cyclomethicone que são silicones de peso molecular baixo, pode deixar um protetor solar pesado parecer mais leve que o ar.

Silicones em produtos de cuidados do cabelo

Em termos de saúde e segurança, não existe  nenhum problema com o uso de silicones ( são completamente inertes: veja aqui ) , mas alguns silicones podem ser muito hidrofóbicos ou repelir a água. Este atributo ajuda a reduzir a porosidade do cabelo, o que torna menos provável a absorção de umidade e, portanto, mais liso e reto os fios capilares.

Este aspecto também ajuda a condicionar e reduzir a perda de umidade de dentro da cutícula do seu cabelo. Mas é aqui que entra o lado mal: alguns silicones são pesados e difíceis de lavar. Pode-se dizer que existe um  “acúmulo” de silicone nos fios e esse é o termo ideal para descrever esse efeito.

mulher no banheiro escolhido produtos de cosmética

Quais silicones devo usar / evitar?

Para aqueles que não se importam em usar um produto sintético mas que seja bom para os cabelos e não  causam acúmulo, aqui deixo alguns para usar  e / ou evitar dependendo de suas necessidades.

 ciclometicona

é um dos silicones mais usados nos cuidados com os cabelos. Evapora e não fica acumulado no seu cabelo. Dá uma sensação sedosa e suave e deixa o cabelo molhado com um incrível deslizamento. Você encontrará ciclometicona tanto em produtos leave-in quanto em produtos com enxágue.

INCI Name: Cyclopentasiloxane

Dimethicone copolyol

é na verdade um silicone solúvel em água. É leve e acumula muito pouco nos fios. É muito usado em  shampoos  e condicionadores, mas pode ser caro e aumentar o custo de qualquer produto no qual ele é adicionado.

INCI Name: Dimethicone copolyol

Amodimethicones

Silicones que têm “Amo”, “Amina” ou “Amino” em seu nome, são modificados para ter uma melhor aderência nos cabelos. Embora esse silicone condiciona bem os cabelos, podem ser bem difíceis de remover.

Os Amodimethicones são encontrados em condicionadores, leave-in e são adequados para pessoas  com fios grossos, afro ou cabelos “indisciplinados”.

INCI Name : Amodimeticona, trideceth- 12, cloruro de cetrimonio

Dimethicone

É o silicone mais comum e menos caro. É ótimo para condicionar e adicionar brilho, mas pode ser difícil de remover. Além disso, esse revestimento pesado pode deixar os cabelos com uma aparência pesada.

INCI Name: Dimethicone & Dimethiconol

Quero um produto natural e não um silicone sintético

Neste post, vimos como atua o silicone nos cabelos e, apesar de fornecer um bom resultado imediato aos cabelos eles não tem nada de “santo”.  Além do acumulo do produto nos fios, o silicone é um produto completamente sintético e nada amigo do meio ambiente.

Para todos os amantes de produtos naturais, usar o silicone sintético na elaboração de cosmética artesanal está completamente fora de contexto.

No próximo post vou dar algumas excelentes alternativas naturais  que você vai poder substituir o silicone  na elaboração dos seus produtos e que vai dar o mesmo efeito de deslizamento, brilho aos cabelos e alguns … muita nutrição!

3 comentários em “Usar Silicone nos Cabelos: Bom ou Ruim ?”

  1. Olá Fabiana!! Obrigada pelos esclarecimentos, vou ficar ansiosa pelo próximo post!!! Faço meus shampoos liquidos e os em barra da sua apostila maravilhosa, tb faço meus condicionadores mas confesso que sinto falta de uma matéria prima que dê um UP como fazem os silicones…:)
    🙂

  2. Parabéns. Esta série de artigos está muito esclarecedora, mostrando os dois lados em vez de apenas defender ou atacar o produto. Muito boa a abordagem.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Rolar para cima