sabão que separa óleos e águas

Problemas que surgem na elaboração do sabão – Parte 2

Estou recebendo vários emails diariamente de leitores com problemas e questões encontrados no momento de elaboração do sabão e problemas que vão surgindo depois de tudo pronto.

Percebi que venho dando as mesmas respostas várias vezes na mesma semana perdendo muito tempo e deixando várias pessoas esperando as vezes por dias….e então decidi reunir todos os possíveis problemas  que me foram questionados e colocar todas as respostas aqui para que qualquer um possa acessá-las a qualquer momento.

Se você  teve algum outro problema que não está mencionado aqui, é só descrever nos comentários que vou acrescentar na lista com possíveis soluções … se houver solução claro!

Problemas no momento de misturar a massa de sabão

1 – A Massa não alcança o trace ou demora muito para traçar

Existe varias possibilidades:

  • Temos que comprovar se colocamos a quantidade correta de soda e de óleos.  Ou até mesmo se colocamos a soda… sim algumas vezes distração acontece…
  • Ver a validade da soda cáustica. Se está vencida, ela não terá “força” para cumprir sua missão que é catalisar óleos e água.
  • Sabão feito com muita quantidade de óleo de oliva realmente demora um pouco mais de tempo para alcançar o trace. Mesmo assim, um lote de 1 quilo deve demorar no máximo uns 10 minutos para alcançar um trace usando um mini mixer. Então, se você está misturando por mais tempo que isso, definitivamente algo está errado.
  • A temperatura de óleos e água influencia muito no TRACE. Temperaturas altas faz com que o TRACE seja mais rápido e temperaturas mais frias retardam o TRACE.  Então, se você tem uma fórmula que você sabe que demora muito para TRAÇAR,  o ideal é começar com óleos e águas com temperaturas altas.  Se você tem uma fórmula que o TRACE é super-rápido, comece com óleos e águas com temperaturas mais baixas.
  • Como disse antes, algumas vezes pode demorar bastante tempo para a massa TRAÇAR. Se tudo está em ordem e os ingredientes foram adicionados corretamente então é ter paciência. Bata uns 15 minutos, descanse e volte a bater novamente.  Verta a massa no molde que depois de um tempo terminara endurecendo.

massa de sabão que não alcança o trace

2 – A massa de sabão desandou

Fica claramente visível que óleos e águas que ja estava parecendo unidos se separam.  As vezes costuma solucionar esse problema esquentando a massa no micro-ondas ou no fogão e misturar novamente.

A maioria das vezes pode desandar a massa por adicionar extratos, corantes ou fragrâncias. Eu acho que a razão disso acontecer é que alguns ingredientes fazem com que a temperatura da massa aumenta muito em pouco segundos e faz com que as fases se separem produzindo uma saponificação na fase sólida.

Mas isso não é umas ciências exatas e pode ser por vários outros motivos ainda não identificados, inclusive quando trabalhamos em dias que estamos de energia negativa…. a massa sempre vai desandar …pode crer que isso é verdade!   A melhor solução é não trabalhar por uns dias até seu humor voltar ao normal.

sabão que separa óleos e águas

3 – Massa de sabão Traça muito rapidamente 

Possíveis causas

  1. Geralmente pode ter sido porque batemos em excesso
  2. Adicionamos algumas fragrâncias, misturas aromáticas e até mesmo alguns óleos essenciais que podem acelerar o processo de saponificação.
  3. A receita é rica em gorduras saturadas
  4. Temperaturas alta
  5. Pouca quantidade de água

 Detalhes a levar em conta

  1. Se o motivo foi porque você bateu muito com seu aparelho de mini mixer. Não o use continuamente. Tente alternar com a mão mexendo por 15 a 20 segundos, em seguida, dê apenas um pequeno clique no mixer e em seguida, mexa um pouco mais manualmente…e assim alternando até ver que alcançou o trace.
  2. Ao usar fragrâncias que você nunca usou, óleos essenciais de ações rápidas como o cravo-da-índia, fique preparado para trabalhar rapidamente ou então leia opinião de outros fabricantes antes de comprar para ver se ele é conhecido, especialmente se for um aroma floral ou de especiarias. Alguns óleos essenciais que podem acelerar o traço incluem: louro, citronela, cravo, canela, abeto, palma rosa, pimenta, ylang ylang.
  3. Verifique as temperaturas antes de misturar lixivia e óleos.  O melhor é que a mistura seja feita com temperaturas de 30 a 45º C.  Se sua intenção é fazer detalhes de redemoinhos ou outro tipo de designer o ideal é usar um menor numero de óleos saturados e maior numero de óleo de oliva e girassol.
  4. Comprova a sua fórmula com uma calculadora online e veja qual é a quantidade de água recomendada. É uma boa ideia usar 38 a 40% da água como mínimo se sua fórmula tem grandes quantidades de gorduras saturadas.

Soluções a tomar

Se o seu sabão ainda está um pouco maleável, coloque-o no molde. Assegure-se de ficar vigiando caso comece a superaquecer e aí começar outro problema que é o de gerar um VULCÃO.

Se a massa está bastante dura, colocar no micro-ondas a uma potência máxima e com isso vai esquentar e fazer desta massa um pouco mais fluida para jogar no molde.

Quando for usar fragrâncias desconhecidas existem algumas soluções sugeridas para tentar:

1 – Retirar um pouco de óleo aquecido da sua base e misturar a fragrância ou o OE e adicionar quando alcançar um trace leve.

2 – Adicionar a fragrância ou OE junto com os óleos aquecidos antes de adicionar a lixivia e misturar a mão sem usar o mine mixer.

massa de sabao endurece imediatamente

4 – Massa de sabão talhou – pequenos grumos parecendo arroz ( “Ricing”)

Este é definitivamente um problema com fragrância a base de óleo. Algumas não se dão bem quando adicionados á massa de sabão dando essa reação e surge esses milhares de pequenos grãos.

Antes de comprar e usar uma fragrância á óleo, tente obter informações com outras pessoas sobre esse produto.

Para “consertar” esse problema, tente usar a mini mixer para suavizar as protuberâncias.  Bata a massa e isso resultará em um TRACE mais espesso, mas isso poderá ajudar a salvar o lote. Se você não conseguir que a massa fique homogênea totalmente, sugiro que espere secar e aplicar a técnica de REBATCH.

Se por acaso esse “Ricing” acontecer quando você adicionar  um óleo essencial, pode ter certeza que está misturado com alguma fragrância sintética. O óleo essencial puro não deve causar o “Ricing” no sabão.

massa de sabão reagindo mal com alguma fragrância e aparece pequenos grumos

5 -A solução de lixívia ficou com uma cor muito estranha e inesperada

Se você  substitui a água da sua fórmula por uma infusão ou um líquido alternativo, como leite, cerveja, aloe, suco de beterraba, etc, isso é perfeitamente normal! não se assuste. A cor da solução de soda cáustica nem sempre está relacionada com a cor final do sabão.

Se a solução de soda cáustica for um marrom escuro forte, então você pode esperar algum tipo de cor amarronzada  ou acastanhada no resultado final. Para evitar sabonetes marrons indesejados, tome cuidado para não fazer as infusões muito forte tipo  hortelã ou lavanda. E sempre congelar leites em pequenos cubos antes de misturar com a base alcalina.

6 – A solução de soda cáustica tem pequenos “flocos flutuantes”

Se você se deparar com pequenos flocos flutuando na sua solução de lixívia que você acabou de fazer, pode saber que o recipiente que você está usando não estava limpo o suficiente e possui restos de resíduos do ultimo lote que você fez.

Isso não é considerado um problema mas se isso te incomoda, tente limpar o máximo possível seus recipientes após cada uso.

Você pode coar sua solução mas tenha cuidado..afinal esse liquido que você vai coar é uma lixivia pura.

7 – A solução de soda cáustica tem uma crosta dura no fundo do recipiente

Isso acontece quando você não dissolve a soda cáustica adequadamente na água.

Misture a soda cáustica na água até que a solução passe de turva a clara e isso significa que ela está bem misturada.   Quando você adicionar sua lixivia nos óleos e ver que existe essa crosta no fundo do recipiente, adicione um pouco de água morna e tente dissolver essa crosta e em seguida adicione aos óleos também.

Caso não consiga dissolver essa crosta, pode saber que o resultado final do seu sabonete vai  demorar um pouco mais de tempo para  curar e secar completamente por que sua fórmula ficou com menos soda cáustica que o necessário, além disso o sabonete vai ficar um pouco mais mole e com um superfat (SF) maior que o desejado… claro, com a falta de algumas gramas de soda alguma porcentagem de óleos ficou sem ser saponificado.

8 – Esqueceu de colocar um dos óleos

Se você percebeu essa falta antes de colocar no molde, é muito fácil. É só acrescentar o óleo no final de tudo e misturar bem. Se você percebeu essa falta depois de solidificado, você deve  refundir e aplicar a técnica REBATCH.


Na próxima parte vamos falar sobre outros possíveis problemas:

Problemas da massa dentro do molde → veja aqui 

Problemas após o corte em barrinhas → veja aqui 

Problemas com sabonetes curados → veja aqui 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Rolar para cima